Please enable JavaScript to view the comments powered by Disqus.

Startup associada à Deatec é selecionada no Inovativa Brasil

Notícia
28/07/2017 17:58
Deatec, deatec@deatec.org.br

PackID participa do maior programa de aceleração de startups do País


A Associação Polo Tecnológico do Oeste Catarinense (Deatec) é uma instituição reconhecida pela grande atuação no apoio e desenvolvimento de empresas que produzem ou empregam tecnologia, sendo referência no Estado e no País. Com objetivo de trazer ideias novas para a entidade, contribuir no desenvolvimento de startups e no fortalecimento do setor de tecnologia e inovação de Chapecó e região, desenvolve um programa de incentivo às startups. Possui um plano de associados exclusivo para elas e apoia a participação em projetos que contribuem para o crescimento dos negócios.

Uma das startups associadas, a chapecoense PackID, concluiu sua participação e hoje faz parte do time de startups aceleradas pelo maior programa de aceleração de startups do Brasil: o Inovativa Brasil. Além disso, na premiação final, foi uma das 14 empresas selecionadas para o programa global de aceleração do Facebook, o FBStart, projetado para ajudar no desenvolvimento e na ampliação dos negócios.

De acordo com a empreendedora e sócia da startup, Caroline Dallacorte, o Inovativa Brasil surpreendeu pela qualidade. “Tivemos acesso a conteúdos relevantes para o desenvolvimento do nosso negócio, com relatos e experiências de empresários que tinham domínio dos temas. Além disso, a capacidade técnica reunida pelo programa, entre investidores, mentores e organizações nos impressionou e contribuiu significativamente para o aumento da nossa rede de contatos. Ficamos muito felizes em vivenciar uma experiência como esta aqui no Brasil, com uma excelente organização”, salienta.

Para Caroline, isso mostra como o País está evoluindo e incentivando o empreendedorismo, o que auxilia muito na retenção de talentos. “Também ficamos muito entusiasmados com a parceria com o Facebook e com certeza utilizaremos o FBStart para evoluir ainda mais no nosso negócio e continuaremos levando o nome de Chapecó para todo o Brasil e o mundo".

De acordo com o diretor de Startups da Deatec, Rudinei Gerhart, o projeto direcionado para as startups começou a ser empregado nesse ano, baseado em três pilares de sustentação. O primeiro, a promoção de um ambiente de trabalho colaborativo, na forma de integração entre incubadoras, aceleradoras e unidades de produção independente. “Dessa forma, teremos um inventário real dos empreendimentos que se caracterizam como startups e suas demandas para crescimento”, expõe. Em segundo, a promoção de mentorias técnicas, design thinking, estratégia e modelo de negócios, capital e acesso ao mercado. “Temos muitos empresários bem sucedidos que anseiam por ajudar e contribuir aos jovens empreendedores”, frisa Gerhart. Em terceiro a viabilidade de investimento de capital para que bons projetos possam ser acelerados com aportes e investimento local.

O dirigente destaca que as startups são empresas disruptivas, empregam velocidade no processo de pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias e, nesse contexto, engendram velocidade no processo de elaboração de soluções baseados em problemas reais manifestados pelo mercado. “Dessa forma, atuam como um “imã” atraindo e formando um importante ecossistema composto por entidades de pesquisa como universidades, empresas tradicionais como plataformas de validação, profissionais experts, agentes de capital (recursos de subvenção, investidores, fundos e bancos), iniciativas governamentais de apoio ao empreendedorismo, entre outros agentes, tudo isso formando uma grande força propulsora ao empreendedorismo”, finaliza.