Please enable JavaScript to view the comments powered by Disqus.

Profissionais aprofundam conhecimentos sobre metodologia ágil para desenvolvimento de softwares

Notícia
18/06/2018 15:55
Deatec, deatec@deatec.org.br

Com scrum, projetos são entregues mais rapidamente, com mais qualidade e maior assertividade


Ensinar e aprender scrum de maneira nova e divertida. É isso que o workshop “Scrum na Prática (Lego4Scrum)”, promovido pelos profissionais da área de tecnologia da informação Andy Barbosa e Lurdete Fontaniva,com apoio da Associação Polo Tecnológico do Oeste Catarinense (Deatec), possibilitou no último fim de semana, em Chapecó.

Scrum é uma metodologia ágil para gestão e planejamento de projetos de softwares, na qual estes projetos são divididos em ciclos chamados Sprints, dentro do qual um conjunto de atividades deve ser executado. No workshop, os instrutores alinharam a teoria com a prática por meio de um jogo com lego. “Essa ferramenta proporciona a noção de como seria a atividade no dia a dia com a prática do scrum. Quando há prática, o conhecimento é melhor absorvido”, explicou Lurdete.

O diferencial do scrum para outros métodos de desenvolvimento de softwares é a abordagem de gestão ágil dos projetos e interação com os clientes. “Na metodologia tradicional se planeja, desenvolve e entrega ao cliente. No scrum o projeto é desenvolvido em pequenas partes, sendo que cada uma delas é entregue ao cliente para que ele possa testar e validar. Assim, o projeto pode ser melhorado continuamente. Isso aumenta a qualidade e reduz o índice de insucesso”. Com o scrum, o tempo de cada ciclo de desenvolvimento varia, podendo ser quinzenal ou mensal, de acordo com a estratégia do produto e do cliente.

Os participantes aprenderam os fundamentos do Scrum, incluindo seus papéis, cerimônias e artefatos e compreenderam como formar times, melhorar a comunicação e lidar com os principais desafios da utilização do método. Foram apresentados, ainda, todos os fundamentos e conceitos num contexto de empresas de desenvolvimento de software, aprofundando e explicando em detalhes cada um, com demonstração de casos práticos e suas experiências.

A desenvolvedora web da O2 Multicomunicação, Debora Cristina Fontanella, participou do workshop e avaliou como excelente. “Eu nunca tinha feito curso sobre scrum. Estamos começando a aplicar a metodologia na empresa. Inicialmente era para sistemas web e websites, mas agora estamos tentando adaptar para todo o fluxo de clientes”, relatou. Para Debora, além de ser mais ágil e transparente, o scrum proporciona maior flexibilidade. “Fica mais fácil entender o que fazemos e para o que serve. Também é mais fácil para atender as demandas de mudanças que chegam. O curso foi proveitoso tanto na parte teórica como prática. Apesar de estar focado na área de TI, conseguimos adaptar para a agência”.

Barbosa enfatizou que no scrum o trabalho acontece em um ambiente de colaboração e cooperação entre a equipe. “Atua-se num conceito de time, de auto-organização, explorando o que cada um tem de melhor para contribuir com o trabalho. Elimina-se a questão de hierarquia”. O resultado é o aumento da produtividade e da motivação, contribuindo para o engajamento e o foco das pessoas, influenciando na satisfação e na qualidade de vida no trabalho.